Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

24 de novembro de 2014

Escatologia - Teologia 17.42 - Mateus 24

Escatologia - Teologia 17.42


4.1    MATEUS 24

 Um dos grandes problemas teológicos a respeito dos sinais da vinda de Cristo, se encontra em Mateus 24 e suas passagens paralelas, Marcos 13 e Lucas   21, neste texto os discípulos fazem uma pergunta a Jesus: “Dize-nos quando sucederão estas coisas e que sinal haverá da tua vinda e da consumação do   século”. (Mt 24:3), a mesma pergunta é feita em Lucas e Marcos, porém, de maneira diferente: “Mestre, quando sucederá isto? E que sinal haverá de   quando estas coisas estiverem para se cumprir?” (Mc 13:4 e Lc 21:7). A diferença na pergunta se dá devido o interesse do autor do evangelho, no caso de   Mateus, seu evangelho foi escrito para judeus que conheciam as promessas messiânicas e aguardavam ansiosamente seu cumprimento, sendo necessário   incluir a parte originalmente feita pelos discípulos a Jesus onde era perguntado quando seria sua volta para inaugurar o reino messiânico, isto também   demonstra que os discípulos viam Jesus como o messias esperado. No caso de Marcos e Lucas, seus evangelhos foram escritos para gentios, estes não   conheciam as profecias referentes a um reino messiânico, portanto era desnecessário incluir esta parte evitando dúvidas por parte dos futuros leitores, é   importante ressaltar que nunca o Espírito Santo deixou de estar no controle da inspiração de todos os textos sagrados, se estas aparentes diferenças   existem o Espírito Santo as permitiu.



Os discípulos fizeram uma pergunta dupla: 1) quando sucederão estas coisas 2) e que sinal haverá da tua vinda e da consumação do século. Alguns   escritores entendem que a pergunta foi tripla, dizendo que quando perguntaram que sinal haveria da consumação do século, desvinculavam esta   consumação de sua volta, no entanto, a frase não permite isso, pois eles perguntaram de uma forma que demonstra claramente que os discípulos   associavam seu retorno ao fim desta era. Existe, também um grande problema em várias traduções com relação “consumação do século”, o caso é que em   algumas bíblias encontramos uma tradução mal aplicada de (sinteléias tú aiônos) que é traduzido por “fim do mundo”, sinteléias segundo o dicionário   grego de Carey, significa consumação, fim, acabamento, completamento e aiõn (os), significa: ciclo, era, época, eternidade; também pode ser traduzido   por mundo, porém, apenas na questão temporal, espaço de tempo. O mundo físico, o planeta, no original grego é(kosmos). Sobre a tradução do termo   Strong faz a seguinte o seguinte comentário:


 “Freqüentemente traduzem aion (por mundo, dessa forma obscurecendo a distinção entre esta e kosmos). Aion é geralmente melhor traduzida como   geração, é o mundo num dado momento, um período particular na história mundial”.



   A tradução de fim do mundo não tem apoio do texto original nem do contexto, já que os discípulos aguardavam Jesus para governar a terra como rei,   portanto ao perguntarem não se referiam ao término da humanidade, ou a destruição do planeta, mas sim o fim de um tempo, para dar-se início a outro,   que no caso era o reino messiânico.



Devido o que Jesus havia dito referente à destruição do templo, veio dúvida, quando isto acontecerá? Diante também de outros ensinos sobre um futuro   retorno para reinar e julgar a terra eles perguntaram, que sinal haveria para identificar a destruição do templo como também o seu retorno.  


Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA

Reações:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...