Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

22 de janeiro de 2017

Geografia Bíblica - Teologia 25.119 - Hidrografia da Terra Santa

 Geografia Bíblica - Teologia 25.119

 

Hidrografia da Terra Santa

Sumário: Introdução. I - Mares da Terra Santa: 1 - Mar Mediterrâneo. 2 - Mar Morto. 3 - Mar da Gali-léia. 4 - Mar Vermelho. II - Rios da Terra Santa: 1 -Bacia do Mediterrâneo: a) Rio Belus. b) Rio Quisom. c) Rio Cana. d) Rio Gaãs. e) Rio Sorec. f) Rio Besor. 2 -Bacia do Jordão: a) Rio Jordão, b) Rio Querite. c) Rio Cedrom. d) Rio Iarmuque. e) Rio Jaboque. d) Rio Ar-nom. III - Lago de Merom.



INTRODUÇÃO

Como já dissemos, 50' < do território israelense são compostos, apenas, pelo Deserto do Neguev. A água, por causa disso, constitui-se em questão vital para o Estado de Israel. Os escassos cursos de água são muito bem aprovei­tados. A insuficiência hídrica, entretanto, parece estran­gular o desenvolvimento econômico e demográfico desse jovem país do Médio Oriente.
Não fosse o eficiente sistema de irrigação israelense, os 5.000 km de campos aráveis forneceriam uma produção tão exígua que não daria, sequer, para o consumo interno. Essa área, apesar de parecer, hoje, um jardim, recebe pou­quíssimos benefícios das chuvas. Além disso, o seu índice de evaporação é bastante elevado. Na realidade, o verda­deiro potencial agrícola de Israel é composto por menos de 2.000 km   de terras intensivamente irrigadas.
Nos últimos anos. os israelenses têm intensificado a irrigação de seu território. Um autor especializado em as­suntos do Oriente Médio escreve: "A produtividade das terras só podem melhorar caso haja maior aproveitamento dos recursos hídricos. Como estes não admitem ampliação, a única solução para elevar a produtividade do solo de Is­rael - ou pelo menos conservar o nível alcançado - é forne­cer menos água para as terras já irrigadas, liberando, desta forma, recursos para a irrigação de novas áreas."
A vida em Israel, por conseguinte, não seria possível sem sua hidrografia. Em todos os momentos de sua histó­ria, os hebreus sempre mostraram-se preocupados com os seus parcos recursos hídricos. Não obstante, têm sabido superar essas barreiras de maneira maravilhosa.
Antes de estudarmos os mares, rios e lagos da Terra Santa, vejamos o que é, realmente, hidrografia.
Etimologicamente, a palavra hidrografia é formada por dois vocábulos gregos: "hidro" - água; e, "graphein" descrever. A hidrografia, portanto, é a ciência que estuda todos os corpos de água que há na superfície do Globo. São objetos de seu estudo, pois, os oceanos, mares, rios, lagos e geleiras. Ela detém-se. ainda, nas propriedades físicas e químicas das águas.
A hidrografia encarrega-se, também, de elaborar car­tas referentes às bacias fluviais, leitos de rios e lagos e fun­dos de mares e oceanos.

Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA



Reações:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...