Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

4 de julho de 2018

História Do Cristianismo - Teologia 32.146 - A TERCEIRA E QUARTA CRUZADAS


História Do Cristianismo - Teologia 32.146
 
A TERCEIRA E QUARTA CRUZADAS

A terceira e quarta cruzadas também tiveram lugar neste século e foram um pouco mais bem sucedidas. Ricar­do I da Inglaterra que comandava a última, ganhou algu­mas vitórias brilhantes, mas com enormes perdas de vidas. Os seus feitos terminaram com a trégua com Saladino, o emir sarraceno, depois disso voltou Ricardo para a Ingla­terra. Diz-se que pereceram 120.000 cristãos durante o cer­co de Acre, onde estava o rei presente, e se juntarmos a es­tes os 180.000 maometanos que morreram na mesma oca­sião, temos um total de 300.000 guerreiros como preço de um só combate em que nada se ganhou senão algumas honras vãs e algum renome!
E quem foi responsável por toda esta perda de vidas? Só podemos dizer que foi o cabeça da Roma papal, e ao próprio papa era evidente que, por causa destas longas ex­pedições à Palestina, a Europa havia de perder muito san­gue, gastar sua força e estragar seu tesouro. Não havia a mais pequena idéia de converter os infiéis à fé de Cristo -que é a verdadeira missão do cristianismo - o único fim era enfraquecer o poder dos monarcas temporais para que os pontífices pudessem reinar sobre eles. O papismo é essen­cialmente infiel. Pregar o Evangelho a toda a criatura, é o que o Senhor ordenou a todos os que o reconhecem como Salvador e Senhor. Mas o papa aconselhava: "Matai os in­fiéis sem piedade! arrancai o joio pela raiz e jogai-o ao fogo para que se queime: é esta a obra que Deus quer que façais!
As três ordens de monges militares, os Cavaleiros de S. João de Jerusalém, os Cavaleiros Templários, e os Cavalei­ros Teotônicos podem considerar-se como o rebento das cruzadas, mas o seu caráter era mais político do que reli­gioso, e basta-nos mencioná-lo apenas. Os Cavaleiros Templários chegaram a ser os mais poderosos, e para al­guém chegar a ser reconhecido naquela ordem empregava-se o maior mistério. Anos depois, quando eles se estabele­ceram na Ilha de Malta, com a sua riqueza aumentada, le­vantou-se uma grande inveja contra eles, e espalharam-se as mais medonhas histórias a respeito dos seus ritos secre­tos e cerimônias extraordinárias. A sua atitude soberba, fria e antipática, deu causa à sua queda, e no ano 1314.foi a ordem abolida por decreto do papa.

Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA
.



Reações:

0 Comentários :

Postar um comentário

Deus abençoe seu Comentario

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...