Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

27 de janeiro de 2014

Epistolas Paulinas - Teologia 16.32 - O homem Perdeu o Conhecimento de Deus.

Epistolas Paulinas - Teologia 16.32

O homem perdeu o conhecimento de Deus.

Romanos 1:21-23.

21        porquanto, tendo conhecimento de Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças; antes, se tornaram nulos em seus   próprios raciocínios, obscurecendo-se-lhes o coração insensato. 

22        Inculcando-se por sábios, tornaram-se loucos 

23        e mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, bem como de aves, quadrúpedes e   répteis. 

O resultado de ignorar a Deus. Romanos 1:24 a 32

24        Por isso, Deus entregou tais homens à imundícia, pelas concupiscências de seu próprio coração, para desonrarem o seu corpo entre   si; 

25        pois  eles  mudaram  a  verdade  de  Deus  em  mentira,  adorando  e  servindo  a  criatura  em  lugar  do  Criador,  o  qual  é  bendito   eternamente. Amém! 

26        Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas   por outro, contrário à natureza; 

27        semelhantemente, os homens também, deixando o contato natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade,   cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro. 

28        E,  por  haverem  desprezado  o  conhecimento  de  Deus,  o  próprio  Deus  os  entregou  a  uma  disposição  mental  reprovável,  para   praticarem coisas inconvenientes, 

29    cheios  de  toda  injustiça,  malícia,  avareza  e  maldade;  possuídos  de  inveja,  homicídio,  contenda,  dolo  e  malignidade;  sendo   difamadores,

30  caluniadores, aborrecidos de Deus, insolentes, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais,

31    insensatos, pérfidos, sem afeição natural e sem misericórdia.

32  Ora, conhecendo eles a sentença de Deus, de que são  
passíveis de morte os que tais coisas praticam, não somente as fazem, mas também aprovam os que assim procedem.

Toda injustiça é condenada    A ira de Deus se manifesta desde o Céu contra toda maldade e injustiça dos homens. "Toda injustiça é   pecado ..." (I João 5:17). "mas o pecado não é levado em conta quando não há lei." (Rom. 5:13). Portanto, a todo o mundo antes da   primeira vinda de Jesus se manifestou suficiente quantidade da lei de Deus, como para deixar a todos sem desculpas para o pecado. O   que  expõe esse  verso equivale  ao  que  encontramos  no  seguinte  capítulo:  "Deus não  faz  acepção  de  pessoas."  Sua  ira  se  manifesta   contra  toda  injustiça.  Não  há  em  todo  o  mundo  uma  pessoa  tão  importante  que  possa  pecar  impunemente,  nem  tampouco  uma   pessoa tão insignificante que seu pecado passe despercebido. Deus é estritamente imparcial.  "... Invocais como Pai  Àquele que, sem   acepção de pessoas, julga segundo as obras de cada um..." (I Pedro. 1:17).  


Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA





Reações:

0 Comentários :

Postar um comentário

Deus abençoe seu Comentario