Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

7 de maio de 2018

História De Israel – Teologia 31.143 (Livro 12 Cap 13) O REI ANTÍOCO EPIFÂNIO MORRE DE TRISTEZA POR TER SIDO OBRIGADO A LEVANTAR VERGONHOSAMENTE O CERCO DA CIDADE DE ELIMAIDA, NA PÉRSIA, ONDE PRETENDIA SAQUEAR UM TEMPLO CONSAGRADO A DIANA, E POR CAUSA DA DERROTA DE SEUS GENERAIS PELOS JUDEUS.

História De Israel – Teologia 31.143

 
CAPÍTULO 13

O REI ANTÍOCO EPIFÂNIO MORRE DE TRISTEZA POR TER SIDO OBRIGADO A
LEVANTAR VERGONHOSAMENTE O CERCO DA CIDADE DE ELIMAIDA, NA
PÉRSIA, ONDE PRETENDIA SAQUEAR UM TEMPLO CONSAGRADO A DIANA,
E POR CAUSA DA DERROTA DE SEUS GENERAIS PELOS JUDEUS.

481. 1 Macabeus 6. Por esse mesmo tempo, o rei Antíoco Epifânio, que, como vimos, havia partido para as províncias superiores, soube que havia, numa cidade muito rica da Pérsia, de nome Elimaida, um templo consagrado a Diana, cheio de dádivas, dentre as quais escudos e couraças presenteados por Alexandre, o Grande, filho de Filipe da Macedônia. Resolveu apoderar-se dela e então cercou-a. Mas foi enganado em suas esperanças, porque os habitantes da cidade demonstraram tanta coragem que não somente o obrigaram a levantar o cerco como também o perseguiram. Pode-se até mesmo dizer que foi fugindo, e não se retirando, que ele chegou à Babilônia, com muitas e preciosas perdas.
Curtia ele ainda a mágoa de tão triste acontecimento, quando lhe trouxeram a notícia de que os judeus haviam derrotado os seus generais e se tornavam cada vez mais fortes. Esse acréscimo de aflição deixou-o de tal modo abatido que ele adoeceu, a ponto de perceber que o seu fim se aproximava. Mandou então chamar os servidores de mais confiança e contou-lhes como se sentia, bem como a causa de sua enfermidade, e que merecia aquele castigo, por haver perseguido os judeus, saqueado o seu Templo e desprezado o Deus que eles adoravam. E, acabando de dizer essas palavras, morreu.
A esse respeito, admiro-me de que Políbio Megalopolitano, homem de reconhecida probidade, tenha atribuído a morte desse soberano ao seu desejo de saquear o templo de Diana. É muito mais verossímil que a morte lhe tenha sido o castigo do sacrilégio que ele cometera, saqueando os tesouros que estavam no Templo em Jerusalém. Não quero, no entanto, altercar nem discutir com aqueles que estão mais pela opinião de Políbio que pela minha.


Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA
.


Reações:

0 Comentários :

Postar um comentário

Deus abençoe seu Comentario