Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

27 de maio de 2018

História De Israel – Teologia 31.183 (Livro 14 Cap 10) ALEXANDRE, FILHO DE ARISTÓBULO, ARMA-SE NAJUDÉIA E FORTIFICA AS PRAÇAS. GABÍNIO DERROTA-O NUMA BATALHA E O CERCA NO CASTELO DE ALEXANDRIOM. ALEXANDRE ENTREGA-LHE O CASTELO E OUTRAS PRAÇAS.

História De Israel – Teologia 31.183

 
CAPÍTULO 10

ALEXANDRE, FILHO DE ARISTÓBULO, ARMA-SE NAJUDÉIA E FORTIFICA AS
PRAÇAS. GABÍNIO DERROTA-O NUMA BATALHA E O CERCA NO CASTELO DE
ALEXANDRIOM. ALEXANDRE ENTREGA-LHE O CASTELO E OUTRAS PRAÇAS.

580. Pouco tempo depois, Gabínio, general do exército romano, veio à Síria, onde fez coisas dignas de memória. Hircano, sumo sacerdote, desejou reconstruir os muros de Jerusalém, que Pompeu havia destruído, mas foi obstado pelos romanos. Alexandre, seu sobrinho, filho de Aristóbulo, reuniu e armou na Judéia dez mil homens de infantaria e mil e quinhentos cavaleiros, fortificou o castelo de Alexandriom, situado perto de Core, como também o de Macherom, nos montes da Arábia, e fazia incursões na Judéia sem que Hircano a isso se opusesse. Gabínio marchou contra ele e enviou Marco Antônio com outros oficiais, que se uniram aos judeus fiéis aos romanos, comandados por Pitolau e Malico, reforçados com o auxílio das tropas de Antípatro. Gabínio seguiu com o resto do exército, e Alexandre retirou-se para perto de Jerusalém, onde a se travou batalha. Os romanos venceram, mataram três mil homens e fizeram muitos prisioneiros. Gabínio sitiou em seguida o castelo de Alexandriom e prometeu perdão aos que o defendiam, caso se entregassem.
Um grupo considerável, que fazia guarda fora da fortaleza, foi atacado pelos romanos, que mataram um grande número. Antônio distinguiu-se muito nessa ocasião, pois matou muitos com as próprias mãos. Gabínio deixou parte de seu exército para continuar o cerco, avançou com o resto para a Judéia e fez reconstruir todas as cidades que estavam destruídas. Desse modo, Samaria, Azo-to, Citópolis, Antedom, Rafia, Adora, Maressa, Gaza e várias outras foram restauradas e, depois de estar por tanto tempo desertas, puderam ser habitadas com segurança. Gabínio deixou tudo organizado e voltou ao cerco de Alexandriom. Apertando bastante o castelo, fez com que Alexandre se visse obrigado a pedir-lhe perdão e se dispusesse a entregar-lhe não somente aquela fortaleza, mas também Hircânia e Macherom. Gabínio aceitou o oferecimento e destruiu todas essas praças.
A mulher de Aristóbulo, mão de Alexandre, que era afeiçoada aos romanos e cujo marido e os outros filhos ainda estavam prisioneiros em Roma, veio procurar Gabínio e obteve tudo o que desejava. Depois de dar as suas ordens, ele levou Hircano a Jerusalém, a fim de que cuidasse do Templo e se entregasse às outras funções do cargo de sumo sacerdote. Dividiu toda a província em cinco partes e estabeleceu muitos tribunais para a administração da justiça: um em Jerusalém, outro em Gadara, um terceiro em Hamate, um quarto em Jerico e um quinto em Seforis, na Galiléia. Assim os judeus, livres do domínio dos reis, passaram a um governo aristocrático.


Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA
.


Reações:

0 Comentários :

Postar um comentário

Deus abençoe seu Comentario