Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

10 de novembro de 2014

Epistolas Paulinas - Teologia 16.81 - Quando a oração se torna uma obra

Epistolas Paulinas - Teologia 16.81

Quando  a  oração  se  torna  uma  obra  –  

Há  um  conceito  de  oração  em  que  os  [católicos]  romanos  e  os  hindus  devotos   “pronunciam” tantas orações diariamente, acrescentando algumas extras de vez em quando, para ficar cobertos diante de possíveis   omissões. Porém, aquele que profere uma oração, desa forma, não ora em realidade. A oração pagã, tal como ilustra o episódio dos   profetas de Baal dando saltos e se ferindo (I Reis 18:26-28), é uma obra; embora a verdadeira oração não o seja.  

 Se  alguém  vem  a  mim  e  me  diz  que  está  morrendo  de  fome,  e  eu  lhe  dou  algum  alimento,  o  que  lhe  parece  se  ao  referir   posteriormente esse ato, diz-se que eu o mandei fazer algo para obter a comida? Qual foi sua obra? Pedi-la? Será que alguém poderia   pensar  que  realmente  ele  obteve  o  alimento  pelo  trabalho  de  pedi-lo?   A  verdadeira  oração  é  a  aceitação  agradecida  dos  dons   gratuitos de Deus. Muitas orações não são ouvidas porque aquele que ora faz barganha prometendo “fazer” algo para obter o que   Deus lhe poderia dar, como você dá um prato de comida ao mendigo que o pede.

Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA





Reações:

0 Comentários :

Postar um comentário

Deus abençoe seu Comentario

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...