Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

31 de janeiro de 2016

Ética Pastoral - Teologia 21.20 - Capítulo 18 - Das Disposições Gerais

Ética Pastoral - Teologia 21.20



CAPÍTULO XVIII - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

Art. 41º – O Pastor poderá requerer desagravo público à Convenção, através da Comissão de Ética ou diretamente a essa, quando se sentir atingido pública e injustamente, no exercício do ministério pastoral ou em sua vida pessoal e familiar.


         Art. 42º – O Pastor está obrigado a acatar e respeitar as decisões da Convenção, após os recursos devidos terem sido resolvidos.
         Art. 43º – A alegação de ignorância ou a má compreensão dos preceitos deste Código não exime de penalidade o infrator.
         Art. 44º – O Pastor condenado por infração ética prevista neste Código poderá ser objeto de reabilitação, na forma prevista no Estatuto e Regimento Interno da Convenção.
  Art. 45º – As omissões deste Código serão resolvidas pela Comissão Permanente de Ética, em primeira instancia e, em última Instância, pela Assembléia Convencional.
  Art. 46º – O presente Código entra em vigor na data de sua aprovação e as suas alterações serão feitas em Assembléia, em cuja convocação conste reforma de ética.


Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA
.

Reações:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...