Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

10 de dezembro de 2014

Escatologia - Teologia 17.58 - A Igreja Tem Promessa de Tribulação

Escatologia - Teologia 17.58



5.3.2-  A igreja tem promessa de tribulação


Um dos principais argumentos pós-tribulacionista com certeza é o de que a igreja deverá cumprir as profecias com respeito a passar pela tribulação para   isso usam Lucas 23:27-21.  


E seguia-o grande multidão de povo e de mulheres, as quais batiam nos peitos e o lamentavam. Porém Jesus, voltando-se para elas, disse: Filhas de   Jerusalém, não choreis por mim; chorai, antes, por vós mesmas e por vossos filhos. Porque eis que hão de vir dias em que dirão: Bem-aventuradas as   estéreis, e os ventres que não geraram, e os peitos que não amamentaram! Então, começarão a dizer aos montes: Caí sobre nós! E aos outeiros: Cobri-  nos! Porque, se ao madeiro verde fazem isso, que se fará ao seco?


Também Mateus 24:9-11; Marcos 13:9-13, além de passagens como João 15:18-19; 16:1-2,33.


Para provar biblicamente que a igreja deve passar pela tribulação é necessário:

    Esquecer-se que existem vários tipos de tribulação, e que esta pode ser referente às lutas e dificuldades em se viver uma vida cristã frente a um   mundo dominado pelo pecado. João 15:18-19; 16:1-2,33. 


    Esquecer-se que existem passagens que falam a respeito do sofrimento que o povo Judeu passará durante a grande tribulação. Lucas 23:27-21;   Mateus 24:9-11; Marcos 13:9-13. 



    Esquecer-se que um dos propósitos da grande tribulação é a purificação do povo de Israel, e sendo já a igreja purificada pelo sangue de Jesus   não existe a menor razão para ela ser purificada novamente, se assim fosse o sacrifício de Cristo seria insuficiente.  



    Interpretar  por  analogia  e  não  de  maneira  coerente  o  capitulo  4  de  apocalipse  onde  vemos  a  referência  aos  24  anciãos,  que  para  alguns   simboliza 12 representantes do velho testamento com 12 representantes da nova aliança, o fato é que não cabe outra interpretação que não   seja de que os 24 anciãos são representantes da igreja arrebatada, os motivo são claros: 1) O capitulo 4 refere-se a uma visão do céu enquanto   na terra se inicia a grande tribulação, portanto não pode haver representantes de Israel no céu já que Deus está os purificando na terra. 2) estão   usando uma coroa (que no grego de uma forma geral traz a idéia de recompensa (2Tm 4:8) ninguém a essa altura do plano escatológico de   Deus, a não ser a igreja arrebatada poderia usar uma coroa de vitória (Ap 2:10). 3) as promessas para igreja vitoriosa, expressas nas sete cartas   as igrejas da Ásia menor encaixam-se com a aparência, posição local e de honra em que os 24 anciãos estão. 


Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA

Reações:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...