Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

30 de junho de 2017

História Da Igreja - Teologia 30.71 - Manter a Tradição Apostólica é Louvável

História Da Igreja - Teologia 30.71
 
Manter a Tradição Apostólica é Louvável

Em I Coríntios 10:31 e 11:1 Paulo roga aos coríntios a “seguir” seu exemplo: “Façam o que façam, seja comer, beber ou qualquer outra coisa, façam isso
para a glória do Senhor. Não seja causa para que alguém tropece, seja judeu, grego ou a igreja de Deus. Eu mesmo me esforço por agradar a todos, de todas as formas. Isso, por não estar procurando meu próprio bem, mas o benefício de todos, para que possam ser salvos”.
O contexto seguinte diz respeito ao benefício de outros e como agradá‐los, como forma usada por Deus para conduzi‐los à salvação. A palavra “seguir” (I Coríntios 11:1) vem do termo em grego mimatai, da qual deriva a nossa expressão “mímica”. Essa sugestão de imitar a Paulo, evidentemente nos traz à mente uma situação nova que os coríntios estavam vivendo, na qual estavam se saindo muito bem: Assim, ele começa 11:2 com “Eu os louvo porque se lembram de mim em tudo, retendo firmemente as tradições, como as entreguei a vocês”.

A palavra grega para “ensino” é didaskalia (origem de “didática”), mas não foi essa a expressão usada aqui. Ao invés, paradosis (“tradição”) foi empregada. Assim, a versão NASV da Bíblia (uma das traduções em inglês) traz “tradições” aqui, assim como em português a Bíblia de Estudo Almeida, 1999, ao contrário de “ensinos” da versão NIV (outra versão em inglês).

(Quanto a essa passagem (I Coríntios 11:2), das várias versões existentes em português no Brasil, a João Ferreira de Almeida Revista  e  Corrigida usa a expressão “preceitos”, enquanto que a Revista e Atualizada traz “tradições”).

Tradição é algo “que as pessoas fazem automaticamente”, segundo Bagd, pág. 615. O Dicionário Webster diz que ela é um padrão herdado de pensamento
ou ação.  Uma definição popular poderia ser essa: “coisas que as pessoas fazem de uma forma regular, costumeira”. A mesma palavra grega (na forma verbal)
é usada em I Coríntios 11:23 (“vos entreguei”), referindo‐se à Santa Ceia. A principal característica de “tradição” é que ela é transmitida de geração em geração.

A seguir, consideremos a palavra “tudo” (I Coríntios 11:2). Essa palavra significa “tudo que existe” ou, pelos menos, “tudo o que respeita à matéria enfocada” (Dicionário Webster). Quando Paulo escreveu “tudo” (I Coríntios 11:2), o que tinha ele em mente? Como poderia “tudo” aplicar‐se à ordem na Igreja? O emprego da expressão “tudo” sugere que a aplicação pretendida por Paulo era maior do que a exortação vista em I Coríntios 10:31 e 11:1 (evangelismo).

O que as palavras “assim como” (11:2) indicam acerca da intensidade de suas obediências às “tradições” de Paulo? Eles foram fiéis a cada vírgula – foi como
que um efeito fotocópia! Paulo os louvou por manter as tradições “assim como” (grego = kathos) ele as passara para eles.  Os Apóstolos evidentemente planejaram que as Igrejas imitassem as tradições (padrões herdados) que eles haviam estabelecido.

Um paradoxo interessante pode ser observado sobre tradição. A mesma palavra (paradosis) empregada por Paulo em I coríntios 11:2 foi também usada por
Jesus  em  Mateus  15:1‐3.  Jesus  disse  aos  fariseus:  “porque  transgredis  o  mandamento  de  Deus  por  causa  da  vossa  tradição?”.  Surpreendentemente, enquanto que Jesus amaldiçoou a tradição dos fariseus, Paulo abençoou aos coríntios por seguirem a tradição de um apóstolo. A tradição judaica quebrou a ordem de Deus. A tradição apostólica é consistente com as determinações de Jesus. Manter a tradição dos apóstolos é, portanto merecedor de louvores, como visto pelos elogios de Paulo aos coríntios.


Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA
.



Reações:

0 Comentários :

Postar um comentário

Deus abençoe seu Comentario

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...