Estamos em Manutenção # We are in Maintenance Bem Vindos a Este Espaço # Welcome to This Space

30 de setembro de 2018

História Do Cristianismo - Teologia 32.170 - FIRMEZA DE FILIPE E TEIMOSIA DO PAPA

História Do Cristianismo - Teologia 32.170



FIRMEZA DE FILIPE E TEIMOSIA DO PAPA

Filipe ainda assim não se humilhou. Ficou mais admi­rado da audácia do papa do que incomodado com as suas ameaças; e uma das primeiras coisas que fez, depois de re­ceber a bula, foi mandar queimá-la publicamente em Pa­ris, ao som das trombetas. De mais a mais este procedi­mento teve completa aprovação no parlamento francês; e o clero, cheio de apreensões pelo estado assustador das coi­sas, rogou insistentemente ao papa que procedesse de um modo mais brando. Mas Bonifácio era teimoso e inflexível, e a soberba não o deixava ver a grave importância da ques­tão. A sua dignidade não lhe permitia pensar numa recon­ciliação com seu adversário; reuniu, portanto, um concilio de cardeais e tratou de publicar outra bula. Nesta teve al­gum trabalho para definir a sua autoridade, mas como no seu espírito era esta ilimitada, não nos vamos ocupar a examinar minuciosamente as diferentes cláusulas da bula. Depois de ter afirmado as suas pretensões à supremacia universal, concluía nestes termos; "Portanto, declaramos, definimos e afirmamos que é absolutamente essencial para a salvação de todo o ser humano, estar sujeito ao pontífice romano".
Ao mesmo tempo aparecia outra bula excomungando todo aquele que impedisse os que quisessem apresentar-se perante a Sé de Roma. Esta bula claramente dizia respeito ao rei francês, que tinha publicado ordens proibindo que o clero fosse a Roma, tendo este passo altamente desagrada­do ao pontífice. Filipe recebeu estas comunicações com ad­mirável sossego. Na verdade, a moderação da sua resposta deu azo a uma grande admiração. Manifestou-se os seus bons desejos de reprimir os abusos de que tinha sido acusa­do, e de fato prometeu fazer tudo que estivesse ao seu al­cance para promover uma reconciliação com a igreja roma­na. Bonifácio, porém, não aproveitou esta ótima ocasião. Sem pensar na crise por que estava passando o papismo, declarou que não estava satisfeito com a resposta de Fili­pe, e assim acabou com todas as possibilidades de um acordo entre ambos.

Que o Santo Espirito do Senhor, ilumine o nosso entendimento
Não perca tempo, Indique esta maravilhosa Leitura
Custo:O Leitor não paga Nada, 
Você APENAS DIVULGA
E COMPARTILHA
.


Reações:

0 Comentários :

Postar um comentário

Deus abençoe seu Comentario

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...